Sunday, 22 June 2008

Sea Palace


Ontem aproveitámos para almoçar no Sea Palace, um excelente restaurante chinês, próximo da Centraal Station em Amesterdão. Já lá tínhamos ido e gostámos muito.

O local em si é um pagode Chinês. A comida é muito fresca e saborosa, o serviço simpático, o espaço amplo e bonito e os preços acessíveis tendo em conta a média da cidade. Uma excelente relação qualidade /preço.

Podem consultar o site do restaurante aqui e aproveitar para ouvir um pouco de música chinesa. Muito relaxante!

Nós gostamos sobretudo dos crepes vegetarianos e dos seguintes pratos:
L01, L23, L42, L80.

Enjoy your meal!
Eet smakelijk!

O Silêncio na Vibrante Amesterdão



Um local silencioso, muito bonito, com um lindo jardim, para o qual se entra como se para o Paraíso. Fica no centro de Amesterdam e chama-se Begijnhof (Beguinaria).

Em 1150, um grupo de mulheres juntou-se para viver numa comunidade religiosa e tomar conta de doentes.Estas mulheres não eram freiras, não viviam na reclusão de um convento nem fizeram votos perpétuos.

Tinham de ser solteiras, fazer voto de castidade e jurar obediência ao padre local.Contudo, podiam dispôr dos seus bens, pois não tinham feito votos de pobreza, e podiam renunciar aos seus votos de castidade em qualquer momento e casar.

Foi este movimento que esteve na base da constituição das Beguinarias.

A 23 de Maio de 1971, a Irmã Antónia, a última beguine, morre aos 84 anos.

O que podemos visitar além do jardim?

A capela dedicada a São João Evangelista e Santa Úrsula.

"The English Church" dedicada ao culto protestante.

Het Houten Huis (A casa de madeira) que foi construída entre 1450 e 1500 e é uma das duas casas de madeira em Amesterdam.

Última curiosidade: querem saber o que foi o Milagre de Amesterdam? Cliquem aqui.

Próximo da Beguinaria, podemos visitar o Amsterdam Historish Museum.

Friday, 13 June 2008

Tandart (Dentista)

Bom...com o meu "Tandart" ou Dentista estou satisfeita.

Para já somos vizinhos: duas portas a seguir à nossa. Bem bom!

Estive lá na semana passada para fazer a minha limpeza semestral aos dentes.

Diferenças:

A limpeza é feita pelo Higienista Oral e não pelo Dentista.

Não há copo com água para bochecharmos.A boca é limpa directamente por um tubo.

Há um consultório onde se faz a radiografia total aos dentes;muito mais precisa do que a radiografia que fiz na Clínica da Avenida da Liberdade em Lisboa.

Sei o resultado na hora e o médico diz logo o que é necessário fazer.

De acordo com a análise do dentista e bem visível aos meus olhos, era necessário tratar quatro dentes e extraír uma raíz.

Fiquei muito aborrecida por saber isto, pois antes de vir embora de Portugal, gastei à minha conta 350 euros a tratar dos dentes.

A única coisa que eu queria agora era branqueá-los.

Bom, mas se é preciso tratar primeiro, faça-se.

Esta quarta-feira, tratei dois dentes e posso dizer que ficaram muito bem, pois o tipo de tratamento foi completamente diferente.
Esta quinta-feira, tratei mais dois dentes e extraí a raíz do dente que me deixaram cá.
Estava receosa, já imaginava uma cirurgia difícil, com pontos e tudo, mas não custou nada.
Só fiquei com a cara inchada da anestesia e sonolenta.
Desejosa de ir para casa dormir pois tive um dia agitado. Aulas de manhã, teste e viagens.

Contudo, ainda fui ao seguro entregar o recibo do dentista, à farmácia para comprar o elixir que o médico receitou e aos correios deixar uma carta.

Não se esqueçam que não tenho aqui ninguém a quem possa pedir esses pequenos favores (por exemplo, a minha mãe) e mesmo que tivesse teria que ser alguém que soubesse falar inglês.

Por isso, por volta das 19 horas, comi um pure de cenoura (tinha que ser algo que escorregasse, pois mal podia abrir a boca) e fui-me deitar.

Hoje, sinto-me melhor. Já posso falar normalmente. Mas não posso mastigar nem colocar a prótese.

O efeito da amioxilina também está a passar, embora continue a ter "brancas". O pensamento está um bocado lento.

Estou muito cansada:
1º três semanas com dores de estômago e sem analgésicos,pois o médico achou melhor aguardar pelo resultado do exame respiratório;
2º tomada de antibiótico durante 7 dias num total de 42 comprimidos;
3º fiquei bem do estômago, mas tive uma reacção alérgica que me deixou sem poder deitar e muito fatigada;
4º fiz vários testes no meio desta confusão toda e com muita matéria para estudar;
5º numa semana, toma lá 4 anestesias para tratar dos dentes;

Estou a escrever para me ajudar a organizar mentalmente.

E para desabafar.

Faz bem à alma.

E porque já me sinto melhor.

Espero que tempos mais calmos se avizinhem.

Beijos

HelicoBacter Pylori


Há tres semanas, fiz um exame bacteriológico para apurar se tinha uma bactéria no estômago. Confirmou-se a suspeita: a Helicobacter Pylori estava cá. Esta bactéria pode causar cancro no estômago, sobretudo em pacientes com histórico familiar de cancro como o meu - o meu pai faleceu devido a um cancro no esófago e o meu avô devido a um cancro no estômago -  e se não fôr tratada atempadamente O médico de famíla  receitou-me Pantopac . Disse-me para tomar seis comprimidos por dia durante uma semana (3 de manhã e 3 à noite).

Acontece que este medicamento tem amioxilina, uma "prima" da penicilina, à qual sou alérgica. Os efeitos secundários - diarreia, fadiga, diminuição das capacidades cognitivas como redução da memória e lentidão de pensamento - não se fizeram esperar. Nada conveniente quando se tem que viajar 3 vezes por semana e se está a aprender uma nova língua e em época de testes...

Além disto, como se nao bastasse, sofri uma reacção alérgica fortíssima, após o final do tratamento: manchas vermelhas nas pernas, nos braços, no tronco, nos pés e nas mãos. Tive que faltar a uma aula, pois não aguentava a roupa. Além de que, não conseguia dormir por não suportar encostar-me aos lençóis. Em vez de tomar Pantopac, devia ter tomado um medicamento com metronidazole, isso sim

Se quiserem saber mais sobre a amioxilina, cliquem aqui e vejam fotografias sobre a reacção alérgica.
.
Neste momento, já estou um pouco melhor, Graças a Deus!

Mas como é que isto aconteceu, perguntam....

Quando me inscrevi no centro de saúde, registei num formuláiro que sou alérgica à penicilina e ao diclofenac. Segundo me apercebi agora, essa informação não foi passada para o computador. Confiante que a informação estava registada informaticamente, não alertei o médico na altura da prescrição. Verdade seja dita que ele também não me perguntou se eu era alérgica à penicilina ou não...

Conclusão: sempre que me receitarem seja o que fôr, seja perguntado ou não, tenha escrito ou não, direi sempre ao que sou alérgica.

Viver e aprender...ah, pois é!

Thursday, 12 June 2008

Anne Frank

Anne Frank nasceu a 12 de Junho de 1929.

Vejam esta entrevista (em inglês) do pai dela(o único sobrevivente do Anexo).



Os próximos dois videos mostram Miep Gies que salvou o Diário e o entregou posteriormente a Otto Frank.




Wednesday, 11 June 2008

Learning Dutch

Pronomes Pessoais
(com função de sujeito)

Ik
jij/je/u
hij
zij/ze
wij/we
jullie
zij

Pronomes Pessoais
(com função de objecto)

mij
jou
hem
haar
ons
jullie
hen/hun
ze (coisas)

Pronomes Possessivos

mijn
jouw
uw
zijn
haar
ons
jullie
hun

Learning Dutch

Perfectum
"We zijn gisteren op een feest geweest."
suj+aux+resto+particípio.
"Gisteravond hebft Saskia haar moeder opgebeld".
tempo+aux+suj+obj ind+particípio
"Heb je zaterdag de krant gelezen?"
aux+suj+obj+part
"Wat heb je zaterdagavond gedaan?"
"Hoeveel heeft dit cursus boek gekost?"
"Waarom ben je zo laat naar huis gegaan?"

Indirect Zijn
"Ik ga vanavond naar de film."
Karel zegt dat hij vanavond naar de film gaat.
dat é obrigatório;
verbo sempre no final.
"Ik moet vanavond weg."
Theo zegt dat hij vanavond weg moet.
o modal verb vem no final.

Omdat
"Omdat zij ziek is, bel ik mijn moeder."
" Ze moet snel reserveren, omdat reizen naar Africa popular zijn."
Als
"Als ik ziek ben, ga ik naar de huisarts."
Want
"Hij is te laat, want hij woont in Almere."
Om.....+te infinitivo
"Ik ga zaterdag naar een cafe om een pilsje te drinken."
"Wij gaan naar de markt om te fruit te kopen."

Sunday, 8 June 2008

Learning Dutch

reis (Viagem);

reisbureau (Gabinete de informações sobre viagens);

informatie (informação);

brochure (folheto);

vragen (perguntas);

prijzen (preços);

excursies (excursões);

inbegrepen (incluído);

betalen (pagar);

plaatsen (lugares);

vertrekken (partir, sair);

trein (combóio);

overstappen (transvasar/transbordo);

spoor (ferrovia);

snel (rápido);

auto(automóvel);

koffer (bagageira);

rijbewijs (carta de condução);

rijden (conduzir);

tent (tenda);

vliegtuig (avião);

paspoort (passaporte);

visum (visto);

identiteit kaart (cartão de identidade);

luchthaven (aeroporto);

reserveren (reservar);

tweepersoons kamer(um quarto de casal);

vakantie (férias);

uur (hora);

dagen (dias);

weken (semanas);

geld (dinheiro);

tarieven (tarifas);

Lisbon



Porto



Miranda do Douro (Pauliteiros)



Coimbra (Serenata)

Learning Dutch

"Wat doet u in uw vrij tijd?"/ Que faz nos seus tempos livres?

"Heb je hobby`s?"/ Tens hobby`s?

"Doe je aan sport?"/ Fazes algum desporto?

"Ik ga vanavond met Hannie naar de film."/ Eu vou ver um filme esta noite com a Hannie.

"Speel je goed piano?"/ Tocas bem piano?

"Ik luister wel graag naar muziek."/ Eu gosto muito de ouvir música.

"Zij zingt in éen koor."/ Ela canta num coro.

"Ik kijk graag naar sport op de TV."/ Eu gosto muito de ver desporto na televisão.

"Ik ga regelmatig naar concerten."/ Eu vou a concertos regularmente.

"Ik lees graag."/Eu leio muito ou eu gosto muito de ler.

"Ik ga regelmatig naar de bioscoop."/ Eu vou regularmente ao cinema.

"Ik maak fotos." / Eu faço fotografia.

"Ik speel piano."/ Eu toco piano.

"Ik wandel."/ Eu passeio.

"Ik schrijf gedichten."/ Eu escrevo poesia.

"Ik ga regelmatig naar éen toneelstuk."/ Eu vou regularmente a uma peça de teatro.

"Ik ga naar Sol da Caparica."

Peste & Sida

Learning Dutch

huis (casa)
deur (porta)
raam (janela)
muur (parede)
etage (andar)
kelder (cave)
zolder (sótão)
balcon (varanda)
lift (elevador)
plafond (tecto)
vloer (chão)

slaapkamer (quarto de dormir)
bed (cama)
kast (roupeiro)
commode (cómoda)
gordijns (cortinados)
lamp (candeeiro)

woonkamer (sala de estar)

spiegel (espelho)
fruitschaal (fruteira)
tafel (mesa)
stoel (cadeira)
kast (armário)
vas (vaso)
plant (planta)
bank (sofá)
tapijt (tapete)
bureau (secretária)
boekenplank (estante)
schilderij (quadro)
schemerlamp (candeeiro de pé alto)
schoorsteenmantel (chaminé)
kaars (velas)
klok (relógio)

eetkamer (sala de jantar)

badkamer (casa de banho)

keuken (cozinha)

staat tegen de muur (encostado à parede)
staat onder...(debaixo)
staat naast...(ao lado)
staat op...(em cima)
bij de deur (junto à porta)
hangen (pendurado)

And now, Xutos e Pontapés, A minha casinha (My little house)