Monday, 7 July 2014

Olá! :-)


Tenho andado arredia da internet e peço desculpa. Devia, pelo menos, ter deixado um aviso aos amigos que fazem o favor de me acompanhar e me dedicar um pouco do seu tempo e muito da sua estima. Está tudo bem comigo, mas tenho andado a descobrir outros prazeres...

Iniciei-me no Pilates e estou a gostar imenso. O Pilates trabalha o foco, o equilíbrio, a concentração, o alinhamento corporal, oferece-nos uma maior consciência de nós mesmos (corpo e espírito), maior coordenação motora, flexibilidade e elasticidade... Nunca me senti tão bem comigo própria. A professora, da Malásia, tem um sorriso e uma forma de rir idênticos à minha amiga M. (que é da Indonésia). Contagiante, boa onda. É muito exigente e muito dedicada. Gosto dela.

Comecei a frequentar as aulas quando fiquei com imensas dores nas costas e no braço esquerdo, após ter andado a lavar as lajes do jardim da frente com a bomba de pressão de água. Foram muitas horas de trabalho, "fiquei arrumada" e tive de fazer 3 sessões de fisioterapia. Foi nesta altura que decidi que tinha de fortalecer os músculos das costas e me inscrevi no Pilates. E recomendo.

Quanto à Zumba, na escola primária, a frequência das aulas era muito errática (ou a professora tinha imprevistos ou a escola estava fechada por motivo de férias, ora havia outros compromissos). Acabei por desistir e passei a ir às aulas do mesmo ginásio onde faço Pilates. A professora, brasileira, é simpática e já aprendemos uns passos de Salsa e de Samba. Algumas das canções são brasileiras e é muito engraçado estar a compreender as letras. O som é um bocadinho alto demais para mim e devo dizer que gostava mais das aulas anteriores, mas é divertido.

Continuo com as caminhadas, menos nos dias de chuva.

E com tudo isto, já perdi 5 kg. Muito devagarinho, mas paulatinamente, vamos lá. Ainda há muito caminho para trilhar...A dieta, adequada para o meu problema crónico de saúde e, que iniciei em Fevereiro último, tem sido crucial nesta perda de peso. O Hipo fez-me engordar muito (mesmo!) e eu não sabia que havia uma dieta própria para o efeito. Actualmente, apesar de ainda pesar 80 kg, sinto-me com muito mais energia, mais rápida na execução das tarefas, mais satisfeita comigo mesma. 

O nutricionista aumentou-me também o valor da dose diária do comprimido de levotiroxina e posso dizer que, neste momento, já me sinto outra. Finalmente, acertámos na dose correcta e, neste momento, já só preciso de fazer análises em Janeiro.

O meu corpo está a funcionar muito melhor, com todas estas novas estratégias: as menstruações estão mais regularizadas em termos de frequência, duração (de 10 dias passou a 4 ou 5) e quantidade (já é normal, o que me permite estar de pé, sair à rua, desempenhar as minhas actividades normalmente), a TPM é muito mais suave (já não sinto aqueles sonos intensos durante uma semana e que me deixavam prostrada e de cama), e até os miomas (tenho 2, um dos quais do tamanho do útero) já não me causam transtorno (vontades frequentes e urgentes de ir ao quarto de banho devido à pressão no lado esquerdo).

Todos me dizem que estou mais bonita, mais sexy, radiosa (embora, sempre tivesse sido cuidadosa comigo, mesmo quando o cansaço me deixava de rastos sem ter feito nada de especial).

O raciocínio também está mais rápido e já me sinto confiante para ir fazer os exames de holandês. Tentei há 4 anos e só passei a 1. Aos outros 3, reprovei por 2 pontos. Fui lá, muito por teimosia minha, pois, há época, o meu raciocínio já estava muito lento e a memória uma lástima, e eu não sabia ainda que tinha Hipo.

Mas agora, sinto-me muito bem. Livre, com mais controlo da minha vida, do meu corpo, mais confiante na minha memória e no meu raciocínio.

À parte disto, temos estado com amigos. O tempo tem estado bom e assim o pede. Ontem, tivémos aqui um casal amigo (ela indonésia, ele holandês), com os dois putos, e foi um festim de bebidas e petiscos portugueses (alheira de caça, chouriço de porco preto, queijo de Azeitão, vinho tinto alentejano, moscatel roxo, pastéis de feijão, bolinhos da Confeitaria Nacional, etc). Sim, alguém cá de casa foi passar uns dias a PT...;-) e eu voltei a engordar 1 kg. Vou ter que malhar muito esta semana...

Tenho muitas fotos para partilhar. A visita da A, da L. e do P. levou-nos novamente a Alkmaar, Hindloopen, Efteling, Bruxelas, Marken, Zaanse Schans, etc...

E porque a vida de expatriada implica maior frequência de partidas e chegadas, a minha amiga mais próxima, a R., com quem dava grandes passeios em Amsterdam, vai agora para Maastricht. Não seja por isso, que quem se quer bem, acaba sempre por encontrar-se.;-) Já temos encontros combinados a meio caminho, lá pelas zonas de Hertogenbosch (by the way, onde foi tirada a foto associada a este blogue).

Um beijinho a todos e muito grata pelo vosso cuidado :-)



10 comments:

APS said...

Olaré, e seja bem regressada!

ana said...

Sandra,olá.
Fico feliz por estares bem.
Desconhecia o teu problema de saúde. Ou pelo menos não me recordo. Desculpa a falta de sensibilidade.

Que giro como conseguiste o equilíbrio.

Beijinho amigo e especialíssimo pelas melhoras. :))

Sami said...

Ainda bem que esta a melhorar Sandra. Tambem ja fiz Pilates para as dores de costas q tinha frequentemente e realmente ajudou muito!
Quanto ao problema da tiroide, uma dieta sem gluten pode ajudar.

http://www.washingtonian.com/blogs/wellbeing/health/how-a-gluten-free-paleo-diet-changed-my-life.php

http://mariamindbodyhealth.com/zucchini-coconut-bread-and-thyroid-health/

Presépio no Canal said...

APS,

:-))
Obrigada.

Ana,

Obrigada. Beijinho. :-)


Sami,

Obrigada pelos artigos. Já os li e gostei especialmente do primeiro (revi-me na história). :-)

Beijinho.

Margarida Elias said...

Fico feliz com as notícias. E fico também à espera das fotografias dos passeios. Beijinhos!

João Menéres said...

Foi com enorme prazer que te li todinha com toda a atenção !
Escreves muito bem e tudo descreves com um realismo vital !

Não sei o que é o HIPO...

Não vi imagem nenhuma a acompanhar esta postagem...

Um beijo do Porto.

Crocheteando...momentos! said...

Ainda bem que se sente mais enérgica pois esse tipo de treino sei que faz bem!
Também me preciso de cuidar e ando às voltas com exames médicos para pequenos ajustes!
Bj amigo e continue a apostar nas caminhadas! Bj

Presépio no Canal said...

Obrigada, Margarida, sobretudo por me teres aturado quando estava mais down. Nem calculas a sensação de liberdade que eu sinto...Muitos beijinhos.:-)

Presépio no Canal said...

:-)) Obrigada, João. Basicamente, é a tiróide que funciona muito lentamente e deita-nos abaixo com uma pinta, que nem calculas: raciocíio muito lento, memória que se vai abaixo, um cansaço e fraqueza demolidores, engordar que é um disparate, quedas de cabelo, problemas menstruais, etc, etc...é mais ou menos como ir tudo ao ar...
No texto, pus um limk para o artigo da wiki sobre o hipo, onde podes saber mais detalhes.

Ainda tenho de olhar para as fotos que fiz e seleccionar. Ainda são uma poucas! :-))

Já folheei o livro que me enviaste e é muito interessante, mas ainda não comecei a ler, que tenho andado empatada com as minhas consultas, em Haia.

Beijinho de Almere para ti, nessa cidade linda que é o Porto. :-)

Presépio no Canal said...

Obrigada, Graça. Muito boa sorte com os exames. Muitas vezes, pequenos ajustes fazem grandes diferenças. Hoje irei caminhar só meia-hora, pois está a chover (será na ida e vinda para o Pilates). Muitos beijinhos e tudo de bom. :-)