Monday, 4 December 2017

Parabéns à A. e ao M.!



Ele há jantares assim, entre amigos, feitos de alegrias e descoberta de coincidências, de tempos estendidos e risos partilhados, de afinidades curiosas e de prazer suave, mas intenso, no tempo, com a energia contagiante das gargalhadas que se sucedem e dos temas que surgem e saltam em cadência, sem ter fim. Terminamos porque há uma viagem de regresso de uma hora para fazer e amanhã é dia de semana. Mas saímos, como se a interrupção nunca tivesse acontecido e fosse só um "Até já!", ou um "Vou ali e já volto".

É bom estar com quem gostamos.

É bom conhecer o novo rebento dos amigos e ver como dorme e come tão bem.

É bom trazer o presente de Natal (decorações natalícias para o quarto do bebé) quando a Mãe já tinha pensado em comprar algumas, e ouvi-la dizer que a prece dela foi atendida, quando abriu o saquinho a desejar Bom Ano.

É bom ver o ar deliciado da Mãe perante o presente de nascimento do bebé e o ar de surpresa ao presente que se levou para ela ( eu incluo sempre um presente para a mamã).

É bom ver o video de casamento na Indonésia, e nele a elegância dos vestidos confeccionados pela mãe da noiva, o bolo tão bonito confeccionado pela tia, as fotografias e o video feitos pelos amigos, ou a surpresa que a noiva preparou para o marido, ao actuar, por momentos, como maestrina da orquestra contratada.

É bom vê-los a partilhar o bolo, como também se faz na India e já contei aqui.

É bom falar sobre o Maestro Ennio Morricone e o filme A Missão. É bom contar do concerto em Lisboa e de como os jesuítas portugueses utilizaram a música para se aproximar dos indios brasileiros.

É bom ver como a nossa amiga e a mãe dela se emocionam ao escutar Mariza, a cantar Gente da Minha Terra, junto à Torre de Belém, em Lisboa.

É bom também falar de pintura e ver fotografias dos quadros da A.

É bom conhecer os seus gestos de generosidade e a forma como os portugueses têm entrado na sua vida.

É bom ficar para jantar, sem estarmos previamente a contar com isso, e ficarmos na conversa, enquanto o M. e a sogra saem discretamente para preparar a refeição.

É bom descobrir que os amigos que entretanto chegaram para o lanche ficam para jantar também. Amigos que não conhecíamos previamente, e se revelam boa onda, interessados e bem-dispostos. É bom descobrir afinidades com recém-conhecidos como o gosto pela fotografia.

É bom ver como a nossa amiga está tão bonita, elegante e bem-disposta, apesar das dificuldades que passou.

É bom partilhar as nossas histórias, falar das conspirações do Universo, e de santos irlandeses e portugueses.

É bom saber que os indonésios gostam dos portugueses e com eles sentem mais afinidades, como na Ilha das Flores.

É bom partilhar tradicões antigas, como aquela que diz que na Indonésia, dois irmãos não devem casar no mesmo ano e o mais novo antes do mais velho. É bom saber que há uma escapatória a esta segunda tradição, desde que o mais novo vá dando presentes ao mais velho (por exemplo, peças em vermelho), de modo a poder casar antes e "garantindo" assim, ao mesmo tempo, que o mais velho não irá ficar solteiro ( assim reza a crença).

E por fim, é bom trazer para casa um presente feito por ela: uma garrafa daquele sumo que ela me deu a conhecer e faz tão bem à saúde, e que eu já tinha comentado cá em casa que estava a precisar.

É bom estar convosco, A. e M.

Parabéns pelo vosso aniversário de casamento, pelo aniversário do M. e o nascimento do A. !

Votos de um Feliz Natal!




13 comments:

Paula Lima said...

E concerteza para eles é bom saber que há amigos assim (e que raros são)!
Parabéns a eles também!
Boa tarde ;-)

Presépio no Canal said...

Obrigada, Paula. Tu tambem es rara na amizade, acredita.
Eles gostaram- disseram-me numa msg q me enviaram esta tarde.
Beijinho para ti e o Rui.

bea said...

Encontros assim são revigorantes.

Sami said...

Que bom quando se encontra amigos com quem temos afinidades.
Nao conhecia a tradicao (em Portugal) dos irmaos mais novos nao deverem casar primeiro que os mais velhos).
Gosto imenso dos fados da Mariza.

Presépio no Canal said...

Sami, Tambem nao conhecia esta tradicao indonesia. Achei muito curiosa. Bjinhos. Desculpe a falta de acentos.

Os olhares da Gracinha! said...

parabéns e um brinde ao AMOR e à AMIZADE!!!

Presépio no Canal said...

Graça,

Junto-me ao brinde! E que belo brinde! :-)
Bj

Presépio no Canal said...

Bea,

São mesmo. :-)
boa noite!

Os olhares da Gracinha! said...

Apareça quando puder e cuide-se bem!!!bj

Joana said...

Um post cheio de energia positiva portanto. Que a vida continue sempre assim! Beijinhos

Presépio no Canal said...

Joana,

Obrigada. Para ti também, com tudo de bom. Beijinho.

MR said...

Bom Natal!

Presépio no Canal said...

MR,
Obrigada. Feliz Natal!