Friday, 14 March 2014

Uma flor para ti


Uma flor...



para ti.



Faz hoje um ano.

16 comments:

João Menéres said...

Ele agradeceu, Sandra ?

Um beijo.

Presépio no Canal said...

Oh, sim! Nas boas recordações que nos deixou ;-) e que, ainda hoje, nos fazem rir, quando nos lembramos dele. :-) Embora, este gato já não fosse meu - os petizes da vizinhança gostavam imenso dele e "adoptaram-no". Quando ele piorou, vinham em grupo visitá-lo e tudo e ficavam aqui sentados no chão, a falar com ele e a fazer-lhe festinhas. Ele era muito meiguinho e divertido e conquistava toda a gente.:-)
Um beijinho.

Margarida Elias said...

Beijinhos, Sandra!!

Sami said...

Um beijinho Sandra, e com certeza um dia triste, um dia para relembrar o Fofinho.

Crocheteando...momentos! said...

Pelo que li...relembra um amigo felino e fiel!
Tenho uma cadelinha e temo tanto perdê-la!!! Bj

Presépio no Canal said...

Beijinhos, Margarida!!

Presépio no Canal said...

Beijinho, Sami! As melhoras do seu gatinho.

Presépio no Canal said...

Sim, Graça. O Fofinho foi um grande amigo, fiel e dedicado, meigo e brincalhão. Só lhe faltava falar - ou nem isso, que ele tinha um olhar muito expressivo. :-) Estivémos juntos 16 anos. Faleceu, no ano passado, com insuficiência renal.
Compreendo o seu medo de perder a sua cadelinha (também vivi nesse medo durante 7 meses), mas vamos rezar para esse momento vir longe, muito longe. :-)
Um beijinho e tudo a correr bem!

ana said...

Ah, Sandra,
Que lindo e que impressão...
Beijinho.

Presépio no Canal said...

Ana :-) Achei que seria bonito, como dizes, lembrar um gatinho que tinha uns lindos olhos azuis e foi um excelente animal de companhia durante 16 anos.
E nem passei o dia triste. Consola muito saber que se fez tudo ao nosso alcance para lhe dar todo o bem-estar possível. O Fofinho é, acima de tudo, uma doce e querida lembrança. :-)
Beijinho.

GL said...

Olá, Sandra!
Só quem nunca perdeu um amiguinho desses não sabe a saudade que deixam.
Perdi já há bastante tempo a minha amiga, também de 16 anos, e a saudade permanece.
É incrivel o ollhar, a capacidade de amar de um gato. Agora temos um cão (por vezes as cedências são inevitáveis) mas se bem que goste dele não há comparação possivel entre o amor/companhia de uma e outro.

Um grande beijinho.

GL said...

Olá, Sandra!
O que teria sucedido ao comentário que deixei há dias? Lamentava a morte do seu amiguinho e recordava a minha, que também já partiu, e que continuo a recordar com uma enorme saudade.
Bom fim-de-semana.
Beijinho.

Presépio no Canal said...

Olá, GL :-)
O seu comentário só chegou hoje, de madrugada, à 01:38. Deve ter sido algum atraso no Blogger.
Gostei muito das suas palavras, que achei de uma grande ternura e descrevem tão bem a cumplicidade que temos com os nossos felinos. Como se chamava a sua gatinha? Um dia destes, publica uma foto dela?
Gostava de ver. :-)
Beijinho e Bom Domingo!

GL said...

As minhas desculpas, Sandra, mas este Blogger por vezes tem umas birras antipáticas.
Logo que me seja possível publicarei umas fotografias da minha companheira. Foram 16 anos magníficos e que jamais esquecerei.
Beijinho.

Presépio no Canal said...

Olá GL! :-)

Não tem nada de pedir desculpas. Fez bem em ter alertado. O Blogger, ultimamente, anda a pregar algumas partidas...
Um beijinho e boa semana!
PS: Fico a aguardar, então, a foto da sua amiguinha felina. :-) Beijinho.

GL said...

Olá, Sandra!

A minha felina espera-a.
Beijinho.