Thursday, 19 February 2015

Gosto de ir a Haia



Fotografia do edifício do Ministério da Justiça, Haia.




Gosto muito de ir até Haia e, de vez em quando, estou lá caída. Desde o início do ano, acho que já lá fui umas 5 vezes. A nossa embaixada é lá e o International Health Center também.

No nosso consulado, que funciona junto à embaixada, já estive 3 vezes desde o início do ano. Uma das funcionárias até já reparou que as minhas idas se dão à sexta-feira. "É a senhora que costuma vir às sextas-feiras, não é?";-) Muito atenta. Ganhou pontos...;-) Na primeira vez, fui pedir um passaporte novo (€ 75), pois o meu estava quase a expirar. Na segunda, fui, pela primeira vez, tratar do cartão de cidadão (€ 20) e na terceira, fui lá buscá-lo.

Fiquei a saber, quando lá cheguei, na minha primeira ida deste ano, que devia ter marcado previamente. Não sabia (dantes não era assim)... Mas foram simpáticos: pediram-me para aguardar que as pessoas com marcação fossem atendidas e, pelo menos, lá consegui tratar do passaporte. Menos mal.

Ir de Almere a Haia, ainda leva o seu tempo de comboio: entre 1h05 (se mudar em Leiden) a 1hh15 (o directo). Há que contar também com o autocarro de casa até à estação (15 minutos), o eléctrico entre os comboios e o consulado (10 minutos) e os 5 minutos a pé da paragem do eléctrico até lá e de casa até à paragem do autocarro. Na prática, conto sempre umas 3 horas e meia, no total.

Às vezes, é possível conjugar com as consultas no IHCH  (como a de Nutricionismo - foi o caso, o mês passado). Quando isto acontece, fico contente - quer dizer que consigo rentabilizar melhor o tempo e poupo nos custos dos transportes. Eu tenho o OV Chipkaart, que me dá 40% de desconto nas viagens, mas ainda assim, paga-se bem. Ida e volta, em segunda classe, de comboio, custa-me €17,40. No total, gasto à volta de € 25, por causa do autocarro e do eléctrico. O mês passado foi especialmente mais dispendioso, pois ainda tive duas consultas de Ginecologia. Por isso, sempre que posso e se não estiver muito frio, procuro conhecer mais um ponto na cidade, seja uma loja ou um novo cafezinho.

Na última ida ao consulado, fomos de carro (1h15 hora de viagem) e aproveitámos para ir a um café que gostamos muito e conhecer uma nova livraria que abria nesse dia (13/02). No próximo post, partilharei as fotos da livraria. É muito gira. Não percam! Haia vale mesmo muito a pena...Sempre.


1 comment:

Crocheteando...momentos! said...

Haia é bem interessante!!!
Bj