Thursday, 5 May 2016

Vendas de estrada


É conhecido o meu gosto em viajar de carro pelos campos neerlandeses. Gosto de ir vendo as quintas a partir das estradas, admirar as casas com telhados de colmo e terrenos sempre bem cuidados. Gosto de ver os animais nos campos (cavalos, ovelhas, vacas). Nunca tinha visto uma ovelha negra até chegar a este país. Gosto também das vendas de estrada. Nesta ida ao Noordoostpolder, havia muitos pontos onde podíamos comprar batatas, morangos e demais legumes e frutos da época.

Na fotografia abaixo, uma venda de batatas (aardappelen).
Reparem nos adjectivos: saudáveis (gezonde) e deliciosas/saborosas (heerlijke).



Na foto seguinte, uma bancada com batatas (aardappelen), cebolas (uien), ovos (eieren) e sumos (sappen). Não vi ninguém a atender. Presumo, por isso, que era só retirar e deixar o dinheiro na caixinha.



Muito agradável também, saber pelo painel informativo, que havia um café escondido no jardim das túlipas:

Koffie (Café)
Gebak (Torta/Bolo)
Tulpen (Túlipas)



Havia mais pontos de venda, mas não fotografei. Ficará para a próxima. Quero voltar ao Noordoostpolder e comprar produtos da terra directamente ao produtor, como acontecia, por vezes, quando percorria a Costa Oeste, em Portugal, ou como fizemos em França, em Auvergne e na Provença.

8 comments:

Margarida Elias said...

Que engraçado! :-) Beijinhos!

bea said...

As barraquinhas de venda são tão clean! Um atrelado que funciona. Um café com torta no meio das túlipas...parece uma ideia óptima.

Sami said...

Tao bom encontrar productos organicos a venda nas estradas.
Aqui tambem se encontra esse tipo de barraquinhas onde se leva a fruta e se deixa o dinheiro.

Presépio no Canal said...

Margarida,

:-)

Beijinhos!

Presépio no Canal said...

Bea,

Pena que, à hora que passámos pelo café, já estava fechado.
Um dia destes, tentamos novamente. O sítio é mesmo agradável.

Presépio no Canal said...

Sami,

Uma prática que me deixa sempre agradavelmente surpreendida e satisfeita - confiar que pagamos o que é devido. Um grande sinal de civilidade entre todos, diria.

Ana Vasconcelos said...

As vendas à beira da estrada que mostra na segunda foto são também muito comuns no Reino Unido. As caixas onde se deixa o dinheiro chamam-se aqui 'honesty box'. Gosto muito de culturas que têm espaço para 'caixas de honestidade'.

Presépio no Canal said...

Ana,

Que interessante! Obrigada por partilhar. :-)
Creio, nesse caso, que gostará de conhecer a cidade-livraria neerlandesa de Bredevoort, onde existem estantes cheias de livros disponíveis para venda e sem ninguém a tomar conta, bastando deixar o dinheiro nas respectivas caixinhas.
http://presepiocomvistaparaocanal.blogspot.nl/search?q=bredevoort
Boa noite!