Thursday, 31 December 2015

2015: Conhecer melhor os Países Baixos


Vale a pena não ficarmos só por Amesterdão e conhecer mais um pouco dos Países Baixos...

Este ano, visitámos, pela primeira vez, mais algumas cidades: Zutphen, Nijmegen e Leeuwarden. Voltámos a Maastricht, no Limburgo, e à província da Zelândia, onde passámos fins-de-semana. Aconselho tudo. Pela beleza, pelo cuidado, pela harmonia. 

2015 foi também o ano em que incorporei mais uma tradição neerlandesa no meu quotidiano: fiz a árvore da Páscoa.

Os Países Baixos têm trazido, igualmente, amigos de várias nacionalidades à nossa vida, permitindo-nos vivenciar enquadramentos culturais muito diferentes. Este ano, por exemplo, fomos à festa de aniversário de um menino indiano e foi interessante observar os costumes próprios da cultura hindu.

As livrarias daqui continuam a encantar-me e, abaixo do nível do mar, vive-se uma forte apetência para as artes, diria que, sobretudo, para a música e a pintura. Há sempre alguém a tocar nos pianos das estações de comboios, por exemplo...

Venham, então, daí para muitos dos pontos altos deste ano!

Haia, província Sul da Holanda
NB: A região da Holanda é composta por duas províncias (Norte e Sul) que fazem parte dos Países Baixos, o nome oficial do Reino (vulgarmente e não acertadamente chamado de Holanda, visto nem todos os neerlandeses serem holandeses).

Conhecemos uma nova livraria: a Paagman, onde, num ambiente de design moderno e arejado, também podemos encontrar livros antigos. 



Passeámos na praia de Scheveningen e gostámos muito. Já não íamos lá há alguns anos e só este Verão vimos as esculturas e o passeio marítimo.



Escutei muita música nas estações de comboios: Haia, Amsterdam, Utrecht,...Tão bom!



Fomos a uma festa indiana de aniversário e ficámos encantados com a tradição de darem o bolo à boca uns dos outros.


Vi a exposição de fotografia do Anton Corbijn no Gemeente Museum em Haia sobre os músicos e os grupos que cresci a ouvir: U2, Depeche Mode, David Bowie, Rolling Stones, etc...



Katwijk aan Zee, província Sul da Holanda

Foram 7 dias de praia no Mar do Norte. Uma festa! Apanhámos dias muito bons e foram os únicos de praia que fizemos este ano (se exceptuarmos o dia que estive na praia da Torre, em Maio).
Katwijk aan Zee soube muito bem - ofereceu-me um sorriso e tudo...;-) Nunca tinha visto um arco-íris assim...



Almere, província Flevolândia

Assistimos a muitos ocasos no Verão em Almere Pampus. Acho que nunca vi ocasos tão bonitos como neste país!



Assisti ao nascer do sol, algumas vezes, também.




Assistimos ao campeonato de vela.



Levámos os filhos de casais amigos ao Kinderboekenbos (O Bosque dos Livros Infantis) na Livraria Stumpel em Almere. Nunca tinha visto uma livraria com baloiço e escorrega para as crianças.



Andei neste comboio com a minha amiga indonésia M. e os filhos. Estou capaz de repetir!



Passeámos por Lumière Park, onde já não íamos há uns aninhos. Um espaço muito bonito! Vale  a pena!




Este ano, fiz a a Árvore da Páscoa pela primeira vez. E nunca mais a desmanchei.



Em Novembro, fiz 45 anos e celebrei ao pequeno-almoço com Zeeuwse Bolus, o bolo típico da Zelândia, de origem judaico-portuguesa.



Dezembro, o mês do Natal: a Árvore deste ano...desta vez, em tons de vermelho e branco.




Huizen, província Norte da Holanda

Fomos à exposição de pintura da minha querida amiga holandesa Ria Clavaux.



Oisterwijk, Norte Brabante

Estivemos em Oisterwijk no Norte Brabante a convite da minha amiga catalã R. e fomos ao Mosteiro Trapista beber as cervejas locais e degustar carnes fumadas e queijo com mostarda.



Zutphen, província Guéldria

Cidade da Liga Hanseática onde provámos o Zutphen Natjes, um licor à base de canela, funcho e anis. Delicioso! Fiquei fã!



E a cidade é linda, bem cuidada e preservada...(como são todas as que conheci até agora).
Gostámos tanto de Zutphen que ainda voltámos mais duas vezes.



Renesse, Middelburg, Zierikzee, Veere, Burgh-Haamstede, província Zelândia 

Uma das zonas balneares do país por excelência e uma província muito bonita, rica em História, que vale muito a pena conhecer. Foi um regresso e gostei imenso. Espero voltar muitas vezes - passear nas dunas de Renesse, deambular pelas ruas históricas de Middelburg e Zierikzee, lanchar e comprar produtos tradicionais em Veere....






Uma província onde se come também muito bem, sobretudo marisco...



E com salas de chá muito acolhedoras e deliciosas tartes de maçã.



Nijmegen, província Guéldria

Onde fomos celebrar a época dos espargos, num restaurante espectacular, com música ao vivo e muito em conta. Nunca tinha estado na cidade. Quero voltar.



Leeuwarden, na Frísia

Foi pelo meu aniversário. E lá encontrei mais uma livraria que me encantou (foto abaixo).
Nunca tinha estado em Leeuwarden e gostei imenso; não só da cidade, mas também das pessoas, que achei muito simpáticas (tal como em Zutphenby the way).



Maastricht, no Limburgo

Foi a primeira vez que fomos ao mercado de Natal de Maastricht e ao Magisch Maastricht. Muito bom. Gostámos do ambiente, do apartamento onde ficámos e de rever a nossa amiga catalã R.



Deventer, província Overijssel

Mais um regresso. Um dos pontos altos do ano, o festival dedicado a Charles Dickens, em Dezembro.



E porque, um dia, a Bélgica também fez parte dos Países Baixos, e estamos aqui tão pertinho, fomos, também pela primeira vez, aos mercados de Natal de...

 Hasselt



e Liège



Espero que tenham gostado desta voltinha pelos Países Baixos e arredores.

Boas entradas em 2016!!! FELIZ ANO NOVO!!!

10 comments:

MR said...

Um bom balanço. :)
Que em 2016 conheça novos sítios e no-los vá mostrando aqui no blogue.
Feliz Ano Novo!

Crocheteando...momentos! said...

Já dei um volta oelos países baixos e adorei!
Seus registos estão magníficos!
Que possa fazer bons e belos passeios em 2016!
Bj amigo

Presépio no Canal said...

MR,

Esperemos que sim. :-) Este ano, não viajámos pela Europa, nem fora dela, mas acho que aproveitámos bem as proximidades. :-) Há ainda cidades e províncias que quero conhecer, como Groningen, por exemplo...
Feliz Ano Novo, MR!!

Presépio no Canal said...

Graça,

Muito Obrigada! :-) Já tenho mais umas cidades das redondezas em vista. O país é pequeno, mas tem imenso para oferecer...
Bj amigo! :-)

Margarida Elias said...

Gostei muito deste passeio. As fotografias são lindas e gostei especialmente daquela com um arco-íris. Muitos beijinhos, boas entradas e Feliz 2016! :-)

APS said...

Pois, e plagiando os chineses, embora de forma minimalista:
que 2016 seja, para a Sandra, um ano muito interessante!

Presépio no Canal said...

Margarida,

Muito Obrigada! Fico contente que tenhas gostado. :-)
Nunca vi um arco-íris assim e gosto de pensar que é o céu a sorrir. ;-)
Muitos beijinhos e excelentes entradas em 2016, com coragem, determinação, alegria e esperança! :-)
Feliz 2016!!

Presépio no Canal said...

APS,

Muito Obrigada! Esperemos que sim, que seja prolífico em experiências interessantes e enriquecedoras. :-)
Feliz 2016! :-)

bea said...

Lindo. Obrigada pelo passeio

Presépio no Canal said...

Bea,

Fico contente que tenha gostado.Os Países Baixos têm recantos muito charmosos. :-)