Thursday, 14 April 2016

Hollandsche Manege


Hollandsche Manege (1744)

A mais antiga Escola Equestre dos Países Baixos, onde se realizou o Festival des Métiers da Hermès

No Picadeiro





O café onde lanchámos

O tecto



O soalho, que de tão gasto, só me lembrava daquele verso do Eugénio de Andrade: " Já gastámos as palavras pela rua, meu amor" (Adeus)


A escadaria que nos leva ao café






A esplanada com vista para o picadeiro



Um café/sala de chá quase secreto no meio de Amsterdam...

Um pormenor que gostei imenso: durante o lanche, ouvimos uma parte de O Lago dos Cisnes e outra de O Quebra-Nozes. Creio que terá sido a primeira vez que lanchei num café ao som de música clássica. Por alguns momentos, imaginei-me numa sala de chá do século XIX, durante a época do Romantismo...

Um outro tema que também ouvimos: In the Hall of the Mountain King, de Edvard Grieg (1843-1907)




11 comments:

bea said...

Que edifício com interiores tão bonitos! Imagino que, com tanta mordomia, o café seja bem mais caro que o normal. Talvez, como acontece no majestic, onde a bica custa uma exorbitância e há fila.
Ou seguirá processo mais democrático, talvez por estar integrado no complexo do picadeiro e este já seja a cobrar. Ou haja quotas. Ou qualquer coisa assim.
De qualquer forma é um café lindo e o corrimão em art déco assenta-lhe. Como a música clássica.

Presépio no Canal said...

Bea,

Não lhe sei dizer o preço do café (que é de uma marca holandesa que não aprecio).
No entanto, o espaço já necessita de recuperação (estou a lembrar-me mais precisamente de uma parte do tecto).
Sei que a sala pode ser arrendada para casamentos e reuniões, no entanto.
O corrimão é muito bonito, de facto. :-)
Bom dia!

Crocheteando...momentos! said...

Adorei...
pois o recanto é maravilhoso! Bj amigo

João Menéres said...

Que coisas interessantes e sempre tão bonitas nos mostras, Sandra !

Um beijo e até logo talvez...

João Menéres said...

Parece que estou a escalar a montanha !...
Ou seria a escada de caracol ?
Tens bom gosto, sem dúvida !

Margarida Elias said...

Que espaço bonito. Fez-me lembrar uma vez que lanchei no Museu d'Orsay. Adoro lanchar em pastelarias e bons e bonitos cafés :-) Beijinhos!

Presépio no Canal said...

Graça,

Também gostei muito. Pareceu-me sossegado e um local onde se pode conversar tranquilamente. :-)
Bj amigo!

Presépio no Canal said...

João,

Muito Obrigada!
Gosto de divulgar. Quando chegámos, tive de descobrir tudo por mim (sem familiares e amigos aqui a viver, teve de ser). Quando escrevo, penso também naqueles que podem estar na mesma situação.
Este café fica no centro de Amesterdão - é fácil lá ir.
A escada não é em caracol (é mais o efeito da foto); subimos bem. :-)
Beijinho!

Presépio no Canal said...

Margarida,

Que giro referires o Museu D'Orsay :-)
Um espaço tão bonito!
Beijinhos!

João Menéres said...

Pois não é em caracol, não !
Ando cansado e apressado, é o que é...

Presépio no Canal said...

João,

Um beijinho e coragem. E vai com calma - cuidado com esse coração, que nós gostamos muito dele. Outro beijo.